Ter um sorriso bonito e saudável é o sonho de todas as pessoas, mas não só pelo lado estético, mas também porque a boca é a principal porta de entrada para as doenças no nosso organismo. Por isso, sua higienização deve ser feita com cuidado e carinho, ao nos levantarmos pela manhã, ao deitarmos à noite e após as principais refeições do dia. Mesmo com a correria do dia-a-dia, se puder fazer a escovação dentária depois de comer alguns petiscos, faça, pois é nesse momento que as bactérias agem, causando cáries, formação de tártaro, gengivites e halitose, o famoso mau hálito.
O primeiro passo para realizar uma boa higienização bucal é saber escolher o tamanho e formato ideal da escova de dentes. Prefira as de tamanho médio e de cerdas mais macias, que não machucam a gengiva conforme a escovação e sempre que ela começar a ficar mais gasta, troque. Aliás, o ideal é que se troque a escova de dentes de quatro em quatro meses porque esse objeto também começa a reter certas bactérias. Passar o fio dental entre os dentes é essencial para retirar aqueles resíduos de alimentos que a escovação não conseguiu retirar. Pouca gente sabe, mas esses resíduos entre os dentes são os causadores de tártaros e placas bacterianas, os principais vilões do mau hálito.
Escovar a língua é outra recomendação dos dentistas, pois o sebo que fica preso nela também gera a halitose. Em farmácias são vendidas peças chamadas raspadores de língua, com o formato anatômico do órgão, específico para sua higienização. Um enxaguante bucal de qualidade também deve ser usado com frequência, pelo menos uma vez a dia. Isso ajuda a remover as bactérias e evita a formação das placas bacterianas e dos germes que acarretam o mau odor bucal.
Sempre que puder, procure visitar seu dentista rem consultórios odontológicos regularmente e peça para ele, a cada seis meses, fazer uma limpeza nos dentes para a retirada de possíveis formações de tártaro. Bochechos com flúor ajudam a afastar as bactérias e germes responsáveis pela cárie, assim como uma alimentação saudável, rica em fibras e cálcio ajuda a fortalecer os dentes e ajudar na saúde bucal. Lembrando sempre que açúcar em excesso engorda e só prejudica o esmalte dentário, assim como o fumo, refrigerantes, alimentos gordurosos e condimentos fortes.