1950 – Foi a década em que o casamento moderno nasceu, após a guerra, noivas já se sentiam a vontade para usar modelos mais luxuosos. Após as dificuldades dos anos 40, o glamour da noivas voltou em forma de criações belíssimas que retratavam a época. A cintura era marcada. Renda, tule e seda eram os destaques, com belos detalhes e bordados.
1960 e 1970 – A opulência continuou no primeiro semestre de 1960, mas então como o espírito de amor livre começou a pegar muitas noivas optaram por vestidos de algodão, estilo camponês e faixas para o cabelo no lugar de laços extravagantes de sedas de décadas anteriores. Usar flores no cabelo também virou moda. Em 70, os vestidos de outras cores começaram a ser introduzidos.
1980 – O casamento da princesa Diana e o Príncipe de Gales viu a indústria de casamento reacender com criações fabulosas que imita a criação do estilo vitoriano. Saias grandes e cheias, rendas antigas, arcos, pérolas e luvas. A década de 1980 tornou-se famosa como a década que viu explodir os orçamentos de casamento.