O juramento é um dos momentos mais marcantes e emocionantes em uma cerimônia de formatura. Durante a colação de grau, essa ocasião é uma das mais aguardadas por formandos, pais e mestres. Geralmente, o formando, ou juramentista, lê o juramento em voz alta para que todos os seus colegas de profissão possam repetir com muita emoção, seriedade e alegria. O juramento é um discurso em que os formandos deixam claro seu compromisso com a profissão, com todas as pessoas envolvidas em suas tarefas profissionais e com a sociedade, sempre pensando em um bem maior para todos os cidadãos que convivem em sociedade.
Cada curso de graduação tem seu respectivo juramento, que pode ser baseada em outras turmas que já se formaram ou escrita pelo próprio juramentista, sempre levando em conta os direitos e os deveres do profissional, seu sendo de ética e o respeito pelos demais colegas e outros indivíduos. No momento do juramento na colação de grau, todos os formandos ficam em pé, levantam sua mão direita e juram fidelidade a todas as palavras que estão sendo proclamadas naquela ocasião.
Por ser um dos pontos altos na cerimônia de formatura, os mestres de cerimônia exercem uma função fundamental que é a de guiar os formandos conforme todos os rituais que a celebração pede. Vale também salientar o peso dos trajes em um tipo de celebração tão formal como é a formatura. Beca, capelo e faixa na cor do curso são indispensáveis aos formandos em uma cerimônia de formatura organizada pela comissão. O uso do traje só é dispensado quando é a faculdade quem oferece a colação para os alunos que não puderem participar da festa com os demais colegas.